Minha empresa precisa de um site?

Minha empresa precisa de um site?

ESSA PERGUNTA É SEU PONTO DE PARTIDA

Se você está lendo este artigo esperando que eu lhe dê uma resposta objetiva para essa pergunta, ficará desapontado. Veja esse artigo como uma consultoria gratuita. Aqui não vou tentar te vender um produto ou serviço que talvez você e seu negócio não precise, a ideia aqui é te apresentar considerações consistentes que te façam refletir e ver se realmente ter um site na internet é uma ferramente útil dentro da sua estratégia de atuação.

Deixo claro também que esse é um estudo de vivência que tenho com os projetos que coordenei, portanto, não estou afirmando que este mesmo pensamento se repita com outros profissionais.

 

COMO SABER SE SEU NEGÓCIO PRECISA DE UM SITE

Vou colocar aqui uma situação hipotética onde temos 2 negócios locais, a “Padaria expansão” e a “Padaria histórica”. Sem muita elaboração, para que não sejamos influenciados por uma quantidade grande de ‘se’, temos os 2 cenários abaixo:

Padaria Expansão: Estabelecimento que já está no mercado a alguns anos e está buscando novos horizontes. Seu proprietário já tem 1 filial em outro bairro e está considerando a possibilidade de abrir mais uma nos próximos anos. A padaria está desenvolvendo um projeto de delivery de pães.

Padaria Histórica: É um estabelecimento clássico, bem posicionada atualmente, com décadas de história. Tem uma boa clientela e tem uma boa atuação geograficamente. Seu proprietário atualmente não tem nenhum projeto de ampliação.

Padaria Vs. Padaria

Para a padaria expansão um site seria uma forma de realizar a conversão para o seu novo serviço de entrega. Através do site, dúvidas e perguntas frequentes sobre o serviço poderiam ser respondidas. Se futuramente o proprietário tivesse interesse em desenvolver um aplicativo mobile o site seria uma excelente forma de apresentação.

Agora se pararmos para analisar a situação da padaria histórica não vemos um objetivo claro para o site? O site seria útil para o que? A resposta é: para nada dentro do cenário atual. Até mesmo aquele velho bla-bla-bla de “com um site seu negócio vai estar online 24 horas por dia, 7 dias na semana e 365 dias por ano online” não me faria aconselhar a criação de um site para esse estabelecimento no momento. Atualmente um site foge da estratégia de atuação da Padaria histórica isso é fato.

Mas pera lá. A internet é um meio para um objetivo, portanto, eu acho que a padaria histórica não precisa de um site, mas acho que ela precise marcar presença na internet e hoje em dia ter um site na internet é apenas uma das formas de ter presença online.

 

ESTAR PRESENTE NA INTERNET É ESSENCIAL

Você mesmo já deve ter passado pela situação em que precisava do número de telefone ou até mesmo do endereço de um negócio local. E aquele  momento em que você está em um bairro desconhecido e precisada conhecer quais estabelecimentos de um determinado ramo/atividade tinha nas redondezas. Como sei que provavelmente você não usou a lista telefônica para fazer essa pesquisa é fácil supor que você tenha usado a internet e os mecanismos de bucas para obter uma resposta.

Unir os beneficios dos mecanismos de buscas com uma estrategia profissional de presença nas redes sociais também é uma maneira de estar presente no dia a dia do seu público. A maioria dos consumidores antes de contratar ou comprar qualquer serviço ou produto utilizam os mecanismos de busca e as redes sociais para obter maiores informações sobre o que ele precisa, comparar preços e procurar quais empresas oferecem aquele tipo de serviço ou produto.

Cabe ao profissional da área, portanto, oferecer uma solução para suprir uma carência ou atingir um objetivo gerando potencial competitivo baseando-se na necessidades e estratégias de cada situação especifica. Ou seja, não podemos oferecer bicicleta para saçi.

 

VOCÊ ESTÁ FAZENDO UM INVESTIMENTO

Criar um site é um investimentoUtilizar a Internet como meio de comunicação não é custo e sim investimento. Os investimentos são baixos, se levado em consideração o alcance geográfico, tempo de exposição e flexibilidade na manutenção.

Antigamente estávamos limitados muito a mídia impressa, onde era difícil criar estatísticas, avaliar resultados e definir uma segmentação do público alvo bem elaborada. Hoje, com a ajuda da mídia digital você consegue números para te guiar de forma mais clara. É bem mais fácil acertar seus objetivos e ir “dançando conforme a música”, alterando direcionamentos, orçamentos e segmentações.

Ter um site e deixar ele no limbo também não cumpri com o objetivo. Um site precisa estar em constante atualização e monitoramento e isso pode refletir em resultados concretos para sua empresa na forma de novos negócios e credibilidade com o público.

 

CONCLUSÃO

Espero que você tenha entendido a diferença entre ter um site e estar presente na internet. Ter um site na internet depende da suas necessidades, das suas propostas e do formato que você vai trabalhar com ele. Agora ter presença online é essencial.

Se você após ler o as considerações você entender que seu negócio precisa de um site mãos a obra. Busque agências e profissionais qualificados para tarefa. Não cometa o erro de deixar a sua empresa nas mãos do sobrinho ou do vizinho. Muito provável que eles não façam um planejamento adequando para suas necessidades e se projeto será apenas mas um.

Se você quiser receber avisos sobre a publicações de notícias desse tipo assine nossa newsletter.

Artigos relacionados

Comentários